sábado, 27 de outubro de 2007

Bom Ânimo! O Segredo da Resposta!

Manter o bom ânimo nestes últimos dias, não é tarefa fácil..


O mal do nosso século é mesmo um fenômeno chamado depressão. Nas suas mais diversas fases, depressão, conforme encontramos na enciclopédia Wikipedia.org:


Depressão (também chamada de transtorno depressivo maior) é um problema médico caracterizado por continuada alteração no humor e falta de interesse em atividades prazerosas. O estado depressivo se diferencia do comportamento "triste" ou melancólico que afeta a maioria das pessoas por se tratar de uma condição duradoura de origem neurológica acompanhada de vários sintomas específicos.
Estima-se que cerca de 15 a 20% da população mundial, em algum momento da vida, sofreu de depressão. A depressão é mais comum em pessoas com idade entre 24 e 44 anos. A ocorrência em mulheres é o dobro da ocorrência em homens.
As causas da depressão são inúmeras e controversas. Acredita-se que a genética, alimentação, stress, drogas e outros fatores estão relacionados com o surgimento da doença.


Quero apresentar a você uma ferramenta eficaz no combate ao desânimo que é a raiz da depressão.


I) A ESPERANÇA EM DEUS NUNCA MORRE!

Dizem que a esperança é a última que morre. Eu creio que a nossa esperança nunca morrerá pois, se esperamos em Cristo, nossa esperança nunca verá a morte... Aleluia!

Jó 17. 15,16 - Jó descobriu isso e pode dizer que a sua esperança o acompanharia até as portas da morte.

O rei Davi disse que a esperança da sua alma deveria ser no Senhor. Salmo 27.14

No Salmo 40, o resultado da sua espera seria:

a) Salvação (ser tirado de um poço de perdição)

b) Purificação (ser tirado de um tremedal de lama)

c) Batismo no Espírito (ter os pés colocados sobre a rocha)

d) Edificação (ter um novo cântico no lábios).


II) A FIDELIDADE DE DEUS NUNCA FALHA!

Em Atos 27, vemos um episódio que representa bem isso na vida do maior apóstolo do Novo Testamento, Paulo: o naufrágio durante sua viagem para Roma.


Paulo recomenda bom ânimo para os tripulantes e passageiros daquele navio. Mas como ter bom ânimo se eles estavam à deriva, sem saída, sem esperança?

Paulo nos ensina a confiar na fidelidade de Deus!


Em Números 23.19, a Bíblia diz que Deus não mente! Se Deus disse que aquelas vidas seriam poupadas, Deus não mentiria para Paulo.

Se Deus prometeu algo para nós, certamente acontecerá, pois Deus nunca mente e Sua fidelidade não falha. A única coisa que pode se colocar entre a vontade de Deus e o cumprimento dela em nossas vidas, chama-se EU MESMO!


Paulo creu e 276 pessoas foram salvas. Sabe por quê? Porque elas tiveram bom ânimo!


III) DEUS ESTÁ ATENTO ÀS NOSSAS NECESSIDADES.


Em Êxodo 3.7,8, encontramos a justificativa divina para Sua intervenção na história do povo de Israel. Neste versos, encontramos 3 verbos reveladores:

Eu VI -> Deus é um Deus que vê.

Eu Ouvi -> Deus é um Deus que ouve.

Eu Desci -> Deus é um Deus que desce.


Deus se interessa por nós, Ele ainda não deu as costas para o ser humano. Não acredite em nada diferente disso. No Evangelho de Marcos 10, verso 49, Jesus se interessou por um cego no caminho. Por mais que estejamos excluídos dos planos de muitas pessoas, não façamos parte dos projetos de amigos, parentes e familiares, Deus ainda se interessa por você! Ele quer fazer parte ativa da sua história.


Quero finalizar, deixando para você o Cântico do Bom Ânimo:


por honra e por desonra, por infâmia e por boa fama, como enganadores e sendo verdadeiros;
"Como desconhecidos e, entretanto, bem conhecidos; como se estivéssemos morrendo e, contudo, eis que vivemos; como castigados, porém não mortos; entristecidos, mas sempre alegres; pobres, mas enriquecendo a muitos; nada tendo, mas possuindo tudo. " II Coríntios 6.8-10.


Que Deus possa abençoa-lo com a bênção do BOM ÂNIMO!!


Paz seja convosco!!!

sábado, 20 de outubro de 2007

QUE VENHA A PERSEGUIÇÃO!!

Governo de SP firma cooperação contra homofobia- 20/10/2007 - 14h20 Fonte: Uol

Esta notícia só serve para nos deixar preocupados. De acordo com este convênio de cooperação, qualquer homossexual poderá "denunciar" qualquer tipo de discriminação sexual, seja por fax, telefone, carta, email e ainda ter a sua identidade preservada pelo sigilo.

Significa dizer que, se você, meu irmão em Cristo, Pastor, obreiro, Presbítero, Diácono, enfim, negar-se a atender uma solicitação de uma pessoa de des-orientação homossexual, poderá ser PROCESSADO PÚBLICAMENTE por isso.

Eu sempre digo que um pouco de perseguição só faria bem à Igreja do Senhor Jesus. Parece que as coisas estão se encaminhando para isso..

Dos emails enviados A TODOS OS PARLAMENTARES DO NOSSO PAÍS, apenas 2, isto mesmo 2 (DOIS) Senadores da República ( e quero citá-los aqui, a Exmª Senadora Kátia Abreu e o Exmº Senador Paulo Paim) foram os que RESPONDERAM o email enviado.

PORTANTO, QUERO EM NOME DO SENHOR JESUS CRISTO, O FILHO DO DEUS VIVO, CLAMAR PELO POSICIONAMENTO DA IGREJA DE CRISTO NA TERRA PARA BARRAR TODO ESTE PROCESSO SORRATEIRO E ARDILOSO, ENGEDRADO PELO INFERNO PARA PERSEGUIR A IGREJA DO DEUS VIVO.

NO DIA 24/0UT, ESTE ACORDO SERÁ FIRMADO. VAMOS PREGAR SOBRE ISSO, VAMOS TRATAR DESTE TEMA NOS PÚLPITOS, VAMOS LEVANTAR UM CLAMOR EM ORAÇÃO E INTERCESSÃO PELOS DIAS QUE VIRÃO, POIS SERÃO DIFÍCEIS. E VAMOS INCOMODAR AQUELES QUE VIERAM (E AINDA FREQUENTAM) NOSSAS IGREJAS EM BUSCA DE VOTOS PRECIOSOS PARA OS SEUS MANDATOS.

NÃO ACEITO E NÃO VOU ACEITAR O CERCEAMENTO DA LIBERDADE RELIGIOSA CONQUISTADA A SUOR, SANGUE E LÁGRIMAS EM MEU PAÍS DE NASCIMENTO.

QUE VENHA A PERSEGUIÇÃO!!!!!!!!!!!!!!

À SERVIÇO DO REI JESUS,

PR. JAAZIEL MARCELO PINHO SOLLES
*************************************************************************************

quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Brasil corre risco de ter liberdade religiosa cerceada

EXMºS SENHORES SENADORES E SENADORAS E EXMºS SENHORES DEPUTADOS E DEPUTADAS,

GRAÇA E PAZ DO SENHOR JESUS SEJA SOBRE VOSSAS VIDAS.

QUERO SOLICITAR A V. EXªAS, COM MUITO RESPEITO, A LEITURA DO TEXTO ABAIXO. O TEOR DESTA CARTA JÁ ESTÁ CIRCULANDO NA INTERNET, COMO MEIO DE COMUNICAÇÃO DE MASSAE FORMAÇÃO DE OPINIÃO, DOS MAIS PODEROSOS DO NOSSO SÉCULO.

É COM MUITA INDIGNAÇÃO QUE VEJO MEU PAÍS TOMANDO RUMOS CONTRÁRIOS À DEMOCRACIA CONQUISTADA SOB SANGUE DERRAMADO E ESFORÇO DE MUITAS FIGURAS DA NOSSA HISTÓRIA.

É COM TRISTEZA NA ALMA QUE ESTOU TESTEMUNHANDO UMA AMEAÇA CRESCENTE AO NOSSO DIREITO DE LIBERDADE DE EXPRESSÃO E CULTO, NOSSA LIBERDADE DE POSTURA IDEOLÓGICA RELIGIOSA, ÚLTIMA FRONTEIRA DOS VALORES MORAIS APREGOADOS POR DEUS À NOSSA RAÇA.

É COM PESAR E DESASSOSSEGO QUE, NUNCA NA HISTÓRIA DESTE PAÍS, TAMANHA BARBÁRIE TRAMITAVA NOS BASTIDORES DAS INSTITUIÇÕES NORMATIVAS DA NOSSA NAÇÃO.

É COM MUITA ESPERANÇA, MAS MUITA MESMO, QUE VENHO À PRESENÇA DE Vs. Exªs. PEDIR, EM NOME DO EVANGELHO, EM NOME DE JESUS CRISTO, EM NOME DA NAÇÃO EVANGÉLICA QUE JÁ SE ENCONTRA MOBILIZADA, QUE O PROJETO DE LEI 122/06 E O PROJETO DE LEI 6418/05, NÃO SEJAM APROVADOS POR ESTA CASA.

QUERO EXTERNAR AQUI MEU PARECER, QUE REPRESENTA O MESMO NÚMERO (E UM NÚMERO AINDA MAIOR) DE PESSOAS QUE PARTICIPARAM DA MARCHA PARA JESUS, NA CAPITAL PAULISTA DESTE ANO.

ESTOU REPASSANDO ESTA CARTA A TODOS OS MEUS CONTATOS (QUE NÃO SÃO POUCOS) E PEDINDO QUE SEJAM REPASSADOS A OUTROS E ASSIM POR DIANTE.

PEÇO TAMBÉM AOS CONTATOS, QUE LIGUEM PARA O SENADO (0800 612211) E À CÂMARA DOS DEPUTADOS (0800 612211), MANIFESTANDO POSIÇÃO CONTRÁRIA A TAIS PROJETOS.

VAMOS NOS UNIR E COBRAR ESSA POSIÇÃO DE Vsas. Exas. NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES. PENSEM NISSO.

NOSSO MAIOR PODER SERÁ EXERCIDO NAS URNAS.

QUE DEUS ABENÇOE AS Vsas. VIDAS EM NOME DAQUELE QUE AMA O PECADOR MAS ABORRECE O PECADO, JESUS CRISTO.

LEIAM O TEXTO ABAIXO, QUE FOI EXTRAÍDO DA MISSÃO PORTAS ABERTAS, RENOMADA AGÊNCIA MISSIONÁRIA EVANGÉLICA DESTE PAÍS.

A SERVIÇO DO REI JESUS CRISTO,

PASTOR JAAZIEL MARCELO DE PINHO SOLLES

e-mail: jaazielmarcelo@gmail.com

blog: www.jaazielmarcelo.blogspot.com

*****************************************

O Brasil, país conhecido em todo o mundo por sua tolerância e respeito às diferenças raciais, religiosas e étnicas, entre outras, encontra-se hoje diante de uma flagrante ameaça à liberdade de
expressão e culto.

Dois projetos de lei que se propõem a evitar o preconceito, também possuem regras para silenciar e censurar a pregação da Bíblia Sagrada. E sem que a maioria da população se dê conta disso, estão
seguindo o trâmite de aprovação no Congresso Nacional.

Um deles está no Senado, prestes a se tornar lei (PL 122/06) e outro com o mesmo teor está na Câmara dos Deputados (PL 6418/2005).

Em breve poderemos assistir pastores sendo presos por pregarem o Evangelho, como em muitos países da África, e pais perdendo a guarda dos filhos por transmitirem a sua convicção religiosa, como ocorre em localidades do Oriente Médio.

Casos como na China e na Coréia do Norte, onde pastores são presos por distribuírem Bíblias, podem se tornar comuns.

Crime de opinião religiosa
Uma leitura mais apurada no texto do PL 122/06 - que prevê detenção de um a três anos para quem for condenado por injúria ou intimidação ao expressar um ponto de vista moral, filosófico ou psicológico contrário ao dos homossexuais - revela que, na prática, a pregação de alguns trechos da Bíblia poderão ser criminalizados, a despeito das diferentes interpretações de correntes doutrinárias.

O PL 122/06 está prestes a ser votado pelos senadores e em seguida seguirá para a sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para se tornar lei. O governo é favorável à criação desta nova lei e seu posicionamento está claramente expresso no programa "Brasil Sem Homofobia".

Um projeto ainda mais pernicioso e semelhante a este que tramita na Câmara, o PL 6418/2005, prevê aumento da pena em um terço para qualquer um que fabrique, distribua ou comercialize quaisquer pontos de vista contra homossexuais, sejam impressos ou verbais.

No caso de materiais impressos, a nova lei prevê o confisco e a destruição dos mesmos, o que expõe a Bíblia Sagrada ao risco de ser recolhida e destruída pelas autoridades brasileiras. No caso de
transmissões televisivas ou radiofônicas, a lei prevê a suspensão delas.

Perseguição aos ofertantes

A ameaça torna-se ainda mais gritante ao atingir os próprios crentes brasileiros, que são os principais financiadores de missões, igrejas e programas nos meios de comunicação de massa que se propõem a
pregar o Evangelho de Cristo.

Isso porque, pelo que está previsto no PL 6418/2005, quem financia, patrocina ou presta assistência a qualquer um que "transgredir essa lei", ou seja, que pregar qualquer ponto que desagrade a um
homossexual, poderá ser condenado a uma pena de dois a cinco anos de prisão.

Como cristãos, ou seja, como defensores do amor ao próximo pregado por Jesus Cristo, não aceitamos que qualquer pessoa, homossexual ou não, sofra atos de violência, seja proibida de permanecer em locais públicos ou tenha seus direitos civis violados - pontos que estão servindo de justificativa para os que defendem tais projetos.

Só não podemos permitir a invasão de direitos particulares sobre os direitos coletivos, assegurados na Constituição Federal de 1988, no artigo 5º, inciso VI: "É inviolável a liberdade de consciência e de
crença".

Por isso, diante desta séria ameaça aos direitos religiosos de todos nós, cidadãos cristãos, principalmente aos evangélicos, cresce a demanda por uma intensa mobilização por parte de todos aqueles que, independentemente de aprovarem ou não a conduta homossexual, desejam garantir o direito de livre expressão de suas opiniões e convicções, sejam elas contrárias ou não ao homossexualismo.

Esta mobilização, além de ser expressa em orações e jejuns, deve ser acompanhada de uma dinâmica prática, sob diferentes formas, tais como:

1. Envie seu protesto para os senadores e deputados envolvidos na aprovação destas leis... (veja listagem de alguns deles abaixo) por meio de cartas, telefonemas, fax e e-mails;

2. Participe de abaixo-assinados que expressem o descontentamento com estes projetos de lei e assegure que eles sejam entregues às autoridades competentes;

3. Entre em contato com o parlamentar em quem votou e chame a atenção dele à questão;

4. Repasse estas informações sobre a ameaça que estas leis trarão à liberdade de expressão e culto no Brasil a TODOS os seus conhecidos.

Utilize seu mailing pessoal e os meios de comunicação de sua igreja.

Nossa tão propagandeada liberdade religiosa pode estar com os dias contados. E não é apenas o cristianismo que está correndo o risco de ser censurado. O islamismo e o judaísmo também, pois todas tratam do assunto em seus livros sagrados.

Portanto, o que está em questão não é o homossexualismo em si e sim a criação de um crime de expressão e opinião religiosa.

Contatos com os senadores diretamente envolvidos no PL 122/06:

Fátima Cleide Rodrigues da Silva (PT-RO), relatora do projeto (a
favor)
Tel.: (61) 3311-2391 a 2397
Fax: (61) 3311-1882
Correio eletrônico: fatima.cleide@senadora.gov.br

Paulo Renato Paim (PT-RS), apresentou diversos projetos neste
sentido, condensados no PL 122/06 (a favor)
Tel.: (61) 3311-5227/5232
Fax: (61) 3311-5235
Correio eletrônico: paulopaim@senador.gov.br

Marcelo Bezerra Crivella (PRB-RJ) - (contrário à redação como está)
Tel.: (61) 3311-5225/5730
Fax: (61) 3311-2211
Correio eletrônico: crivella@senador.gov.br

Para encontrar os nomes, endereços e telefones de cada senador e a
íntegra do projeto de lei acesse: http://www.senado.gov.br

Contatos com os deputados diretamente envolvidos no PL 6418/2005:

Janete Rocha Pietá (PT-SP), relatora do projeto (a favor)
Telefone:(61) 3215-5578
Fax: (61) 3215-2578
Correio eletrônico: dep.janeterochapieta@camara.gov.br

Pastor Manoel Ferreira (PTB-RJ) (contrário à redação como está)
Telefone:(61) 3215-5226
Fax:(61) 3215-2226
Correio eletrônico: dep.pastormanoelferreira@camara.gov.br

Para encontrar os nomes, endereços e telefones de cada deputado e a
íntegra do projeto de lei acesse: http://www.camara.gov.br.

sexta-feira, 5 de outubro de 2007

O SEGREDO DA BEM AVENTURANÇA!!!

"Mas ele disse: Antes bem-aventurados os que ouvem a palavra de Deus e a guardam." Lucas 11.28


Amados, todos nós temos dúvidas, anseios e expectativas. Muitas delas não são correspondidas e até mesmo frustradas. Quem não gosta de sonhar?! Quem não gosta de traçar planos, metas, objetivos. Todos nós sonhamos com um futuro melhor. Muitos perseguem um objetivo até se tornarem obcecados por ele.

Quando perseguimos um objetivo dessa maneira, nossa justificativa é uma só: queremos ser felizes. Mas ao tentar alcançar a felicidade, esquecemos que todo este esforço não vai satisfazer nossa alma completamente.

Isso tudo por que há um segredo para a felicidade completa. Não uma felicidade passageira, nanica, temporal, mas uma felicidade que atinge níveis de satisfação indescritíveis.

O segredo é, simplesmente (e eu quero dizer simples mesmo!!), guardar a palavra de Deus.

Mas... o que significa isso??

Guardar= vigiar para proteger ou defender; defender; olhar; velar acautelar; conservar; arrecadar; reservar; observar; cumprir; encobrir; ocultar; livrar; evitar a;
adiar.

Tenho certeza que Jesus estava querendo dizer isso mesmo: vigie para proteger a palavra de Deus, defenda sua postura de observador e cumpridor da palavra; tornando-se assim, um praticante, não somente um ouvinte "enganando-se a si mesmo, com falsos discursos." Tiago 1.22.

Ouvir e guardar. Receber, entender, assimilar, compreender, absorver os nutrientes da palavra e defender, observar, cumprir!!

Uma grande massa de "crentes" entopem nossas Igrejas para ouvir, para ver, para testemunhar, para assistir nossas reuniões, nossos cultos, mas não para absorver os principios da palavra de Deus e pratica-los em seguida.

É muito fácil ser cristão sem guardar a palavra. Basta apenas ser nominal, basta ouvir, basta fazer o típico papel de auditório, papel de claque, aquele pessoal que ri das piadas nos programas humorísticos.

Mas, o segredo para ser feliz, é GUARDAR a palavra..

Não no sentido de guardar uma roupa ou outro objeto qualquer. É guardar no sentido mais amplo da palavra grega fulassontes.

Que Deus nos dê forças para guardar a Sua palavra todos os dias da nossa vida, até o dia do nosso encontro com Cristo!!

Que a Paz do Senhor, que excede todo o entendimento, preencha todos os recônditos do teu coração!!

Pr. Jaaziel Marcelo
*******************************************************************************
TEMOS AINDA MUITOS CDS A DISPOSIÇÃO DAQUELES QUE QUEREM SER ABENÇOADOS!!! COLABORE COM NOSSO MINISTÉRIO!! CLIQUE NO BANNER AO LADO E COMPRE O SEU CD AGORA MESMO!!!
***********************************************************************

sexta-feira, 28 de setembro de 2007

A VINÍCOLA DO ESPÍRITO SANTO!

(Pr. Fábio Feo, Pr. Ademilson Oliveira e Pr. Jaaziel Marcelo).

Abaixo você tem o esboço do sermão que foi pregado ontem (27/09) na Igreja Assembléia de Deus em Catanduva/SP, pastoreada pelo meu amigo e irmão em Cristo Jesus, Pr. Ademilson Gomes Oliveira (vide foto acima). Aproveite!!!!
****************************************************************************

Para recebermos o vinho novo de Deus, necessitamos passar por estas fases que fazem parte do processo de cultivo da vinha. Na Bíblia, a vinha sempre será associada ao reino de Deus, ao povo de Deus e, a videira verdadeira é Jesus. Deus quer nos ensinar algo através do processo de fabricação de vinho. Vamos aprender com a vinícola do Espírito Santo de Deus:

I – DEUS É VITICULTOR. ELE SABE CULTIVAR. ( Is. 27.1-3)

* Deus trabalha para proporcionar a regeneração ao ser humano.

* Deus é viticultor por excelência. Ele nos compara a uma vinha, pois sabe que há vários requisitos para preencher, antes de cultivar uma vinha.

Eis algumas:

* Preparar o solo: Deus prepara o solo do nosso coração (Rm 10.6-10)

* Escolha das Castas: Há 24.000 nomes diferentes para os mais de 3.000 tipos de uvas que existem. Destes, apenas 150 são plantados comercialmente. Deus é seletivo nas suas escolhas. O NOVO DE DEUS NÃO É PARA TODOS! APENAS PARA OS ESCOLHIDOS!! Mt. 22.14.

* Conduzir o plantio: Existem diversas formas de distribuir as videiras, de acordo com o “desenho do solo”, conforme a topologia escolhida. Existem formas de condução tradicionais e modernas, mas todas têm uma finalidade em comum: permitir que a luz solar chegue aos cachos, que de outra forma seria encoberta pelas folhas da videira.

PERMITA QUE A LUZ DE DEUS CHEGUE ATÉ OS SEUS FRUTOS!! (João 8.12 ).

II – É HORA DE APRESENTAR OS FRUTOS (COLHEITA) Mc. 13.27

  • A colheita deve ser feita no momento preciso. Quando o cacho amadure, o nível de acidez diminui e o teor de açúcar aumenta. Este é momento exato para a vindima.
  • Se a colheita for prematura, resulta em vinho aguado com baixa concentração de álcool. Se for muito tardia, resultará num vinho muito alcoólico mas com pouca acidez.
  • Colheita difere de coleta! Deus quer colher frutos de sementes que foram plantadas. Coletar é recolher algo que não foi plantado. O diabo coleta, Deus é o Deus da colheita.

Tão logo a vindima termine, passa-se ao próximo passo:

III – DESFRUTANDO DO LAGAR DE DEUS.

Antigamente era feito com os pés dos viticultores. Hoje este processo é totalmente automatizado.

  • O esmagamento é a fase em que tudo o que é inútil para o produto final, seja separado, retirado. Um dos itens que não interessa é a CASCA!! Deus não quer uma adoração feita de casca, um louvor feito de casca, uma vida cheia de cascas, de máscaras!!! - João 4.24
  • Para isto, precisamos ser pisados, esmagados por Deus (Is. 66.2 )
  • Esta fase é marcada pelas provas da nossa fé, que resultarão em perseverança (Tg. 1.2,3 - Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações; 3 Sabendo que a prova da vossa fé opera a paciência.)
  • Somente a paciência pode nos fazer companhia nesta hora II Pe. 3.9 - Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção. Tg. 5.7
  • Será que estamos entoando louvores enquanto passamos pela prova? (At. 16.24,25 - O qual, tendo recebido tal ordem, os lançou no cárcere interior, e lhes segurou os pés no tronco. 25 E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam.)
  • O segredo para que o momento de provação passe mais rápido: CANTE LOUVORES! Enquanto as uvas eram esmagadas nos lagares, havia voz de louvor (Is. 16.10) Jr. 25.30 - O SENHOR desde o alto bramirá,... como dos que pisam as uvas, contra todos os moradores da terra.
  • Você quer receber riquezas, honra e vida ao mesmo tempo? Este é o galardão dos que são humildes, dos esmagados por Deus (Pv. 22.4 - O galardão da humildade e o temor do SENHOR são riquezas, honra e vida. (heb. Anavah)
  • As maiores promessas de felicidade são feitas aos humildes (Sl 147.6 - Is 57.15 - Mt 5.5 - 1 Pe 5.5).

IV – O AÇÃO INVISÍVEL E EXPLOSIVA DO PODER DE DEUS (FERMENTAÇÃO)

  • É aqui que entram em cena os ODRES!
  • Durante a fermentação, os odres tem que ser flexíveis para não romperem.
  • Se o odre não for a altura da transformação que vai acontecer, tudo estará perdido.
  • Em Esdras 3.10-12, encontramos um fenômeno na prática. Qdo os fundamentos do 2º Templo foram lançados, todo o povo bradou de alegria. (v.11).
  • Mas o mais velhos só conseguiam chorar. (v.12). Não suportaram ver o novo se levantando, estavam apegados ao passado, apegados ao ODRE VELHO!!
  • Deus quer operar algo novo, um processo de transformação em nossas vidas (II Co. 5.17 – Kainós=novas coisas!!)
  • Nesta fase, há um crescimento e potencialização do que Deus quer realizar em nós.
  • O vinho sob a ação do tempo. O que Deus quer operar, muitas vezes não vai acontecer instantaneamente.

V – CONCLUSÃO

Ainda existem as fases do envelhecimento e engarrafamento. Estudos indicam que + de 90% do vinho consumido no mundo não passa por + de 2 anos de envelhecimento.

Ou seja, Deus quer nos usar AGORA. A obra requer URGÊNCIA!!!

Jesus em 3 anos de ministério, deu início a uma obra que não parou de crescer por 19 séculos!

ALERTA!! CUIDADO COM A VINHA INFRUTÍFERA!

Uma vinha infrutífera era abandonada e as videiras secas eram usadas para fabricar carvão vegetal. (Ez. 15.4 - Eis que é lançado no fogo, para ser consumido; ambas as suas extremidades consome o fogo, e o meio dela fica também queimado; serviria porventura para alguma obra?)

João 15.6 - Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem.

segunda-feira, 24 de setembro de 2007

UMA IGREJA CHAMADA PARA SER VALENTE

Em Mateus 16.13-19, Jesus faz um interrogatório aos seus discípulos. Vale lembrar que a intenção era saber o que eles pensavam a seu respeito, saber a opinião deles, fazer um "check up" sobre o andamento do discipulado.

Assim como Jesus fez, devemos periodicamente fazer uma checagem sobre como andam as coisas com os discípulos. Este tipo de avaliação deve ser feita não somente com aqueles que discipulamos, mas também com o nosso próprio discipulado. O que muitos líderes cristãos estão esquecendo de fazer, entregando-se diariamente ao ativismo e ao sedentarismo espiritual.


I - QUEM É JESUS PARA VOCÊ?

A preocupação de Jesus era saber quem Ele era para os discípulos. A pergunta inicial sobre quem Ele era para as multidões, serviu apenas para fazê-los refletir para a próxima pergunta. Jesus estava querendo uma confissão sincera e comparada com o que a maioria dizia.

Para Jesus, a opinião mais importante será sempre a nossa, daqueles que andam com Ele, esforçam-se por merecê-Lo.
O que a maioria diz, o que o mundo diz, o que a sociedade diz ao Seu respeito, é menos essencial do que nossas próprias impressões a respeito do Mestre.

Quem é Jesus para você HOJE? Ontem já foi, o amanhã ainda não veio. Mas HOJE... O que você tem a dizer a respeito dEle HOJE...

II - DEVEMOS DECLARAR QUEM É JESUS PARA NÓS!

Muitos pregadores, conferencistas, etc... quando se trata da pessoa de Pedro, costumeiramente tendem a criticá-lo de forma veemente. Eu gosto de Pedro. Suas reações eram a fiel demonstração de sinceridade em busca da renovação do seu caráter. Um discípulo sem máscaras, sem formalismos, sem religiosidade. Alguém que negou quando negou e declarou quando declarou. Uma pessoa que não tinha papas na língua, meio destrambelhado, mas sincero.

Sua resposta em nome do grupo foi a pura manifestação de Deus na vida do ser humano. Glória a Deus suas palavras não vieram dele mesmo, da sua própria sabedoria ou do seu intelecto (até porque ele era indouto, semi-alfabetizado mesmo...).

Jesus ouve a declaração de Pedro e glorifica a Deus... Muitas vezes, Deus quer falar através de nós, mas as barreiras que nós mesmos criamos impedem o agir de Deus em e através de nós.

Deixe de formalizar Deus, pare de institucionalizar o mover do Espírito Santo de Deus.

III - UM ALERTA: UMA ARMA PERIGOSA EM NOSSAS MÃOS.

Eu não vou gastar tempo falando sobre as palavras gregas que Jesus usou para se referir a Pedro="petros" e pedra="petra", distinguindo claramente a pessoa de Pedro e a sua declaração, afirmando que sobre esta última (e não sobre a pessoa de Pedro) Ele edificaria a Sua Igreja.

Quero me ater um pouco mais sobre um poder que Deus nos outorgou como Igreja, a "eclesia", os chamados para fora: o poder de ligar e desligar!

Deus entrega um controle-remoto nas nossas mãos e diz: Tudo o que ligares e desligares....

Isso é perigoso demais. Quando ligamos uma pessoa à saúde de Cristo, estamos desligando-a da enfermidade do mundo. Quando desligamos alguém da influência do diabo, estamos ligando-a ao dominío do Reino de Deus que nunca terá fim.

Algumas pessoas inescrupulosas estão brincando de Igreja, brincando de ser pastor, brincando com as pessoas, com os sentimenos delas. Exercendo a coação e coerção espiritual. Deus nunca vai tratar alguém assim. O maior perigo é uma arma carregada nas mãos de uma criança.

Quantas notícias já tivemos de crianças que morreram ou foram gravemente feridas por uma arma que caiu nas suas mãos???

Da mesma forma, temos visto muitas pessoas que "morreram" ou foram gravemente "feridas" espiritualmente falando, porque alguém ou alguns não souberam utilizar esta ferramenta dada por Deus.

O que você tem feito com esta arma? Tem ligado as pessoas ao senhorio de Cristo? Ou tem servido de pedra de tropeço na vida delas, desligando-as das bênçãos do Todo-Poderoso???

Que nossas vidas possam ser usadas por Deus de forma irrestrita e responsável. Que você possa ser uma Igreja valente, que sabe usar as armas espirituais da nossa batalha. Lembre-se: nossa luta não é contra a carne e sangue mas contra os principados, potestades, hostes espirituais da maldade. Nosso arqui-inimigo é espiritual e vamos vencê-lo no campo espiritual.

Um forte abraço em nome de Jesus!!

Pr. Jaaziel Marcelo
***************************************************************************
ESTA MENSAGEM E OUTRAS ENCONTRAM-SE À SUA DISPOSIÇÃO EM CD DE ÁUDIO.

ADQUIRA UM CD DE MENSAGEM E PRESENTEIE, EVANGELIZE E TENHA NO SEU ACERVO DE CD'S!!! CLIQUE AQUI E SAIBA COMO!

ABENÇOE ESTE MINISTÉRIO E VOCÊ SERÁ RICAMENTE ABENÇOADO TAMBÉM!!!
***************************************************************************

terça-feira, 11 de setembro de 2007

A PARÁBOLA DA OPORTUNIDADE (Mateus 21.28-32)

Amados, nas linhas abaixo, quero resumidamente apresentar a cerne da mensagem pregada no último domingo, na Igreja Batista Missionária de Pirajuí, pastoreada pelo meu amigo e missionário Pastor Celso Fonseca. O Pastor Celso tem, gentilmente, cedido alguns artigos que ele escreve no jornal local "O Alfinete".
No domingo passado, 09, estivemos lá para falar sobre um tema maravilhoso: MISSÕES!

Nesta parábola, temos a figura de um pai, dois filhos e uma vinha. Jesus utiliza-se de elementos do cotidiano da época para apresentar uma nova visão para os seus discípulos.
Vale lembrar que, nos versículos anteriores, os principais sacerdotes estavam questionando sua autoridade para ensinar o povo.

Jesus propõe uma parábola: A parábola dos dois filhos.

Na verdade, temos alguma lições implícitas no texto e queremos enfatizar o aspecto missionário das palavras de Jesus.

I) DEUS TEM URGÊNCIA MISSIONÁRIA (v. 28)
Jesus disse que o pai falou para o filho: -Filho, vai trabalhar na minha vinha HOJE!
Ele não disse que era para esperar, para a semana que vem, que era condicional esta ordem. Era URGENTE! Não podemos negligenciar a obra do Senhor, colocando-a na derradeira posição das nossas prioridades. Deus quer discípulos obedientes HOJE. Não amanhã!
Deus tem um desejo abundante em Seu coração: que todos os homens se salvem. Mas como fazer com que a mensagem chegue até eles?? Se muitas vezes nós somos o principal impeditivo para a obra evangelística avançar?
O pai disse que a vinha era dele, mas ela era herança dos filhos. Portanto, todo e qualquer investimento na vinha do pai, representa um investimento no próprio patrimônio. O que Deus deseja de nós é que invistamos na vinha do Senhor (Igreja) porque ela é nosso patrimônio, nossa herança, os bens espirituais da Igreja do nosso Senhor Jesus Cristo, pertencem a nós e nossos filhos para sempre.! (Dt. 29.29);

II) O CHAMADO DE DEUS PARA O SERVIÇO É UNIVERSAL. (v. 28 e 30)
O pai tinha dois filhos. O mesmo convite fora estendido aos dois. Isto significa que Deus quer que a sua Igreja seja TOTALMENTE envolvida na Sua obra. Não podemos mais aceitar uma Igreja dependente de uma minoria ou que espera que o Pastor seja "tudo em todos"... Este é o papel do Espírito Santo de Deus. É Ele quem opera tudo em todos (I Co. 12.6).
Nosso envolvimento tem que ser total, nosso comprometimento tem que ser integral, nossa devoção deve ser exemplar, nosso testemunho deve ser tocante, nossa empolgação deve ser máxima em fazer e realizar a obra que Jesus deixou aos seus discípulos. Quando Jesus voltar, bendito será o servo que o Senhor encontrar SERVINDO ASSIM (Mt. 24.46).
Não temos opção. A inércia não é uma escolha, o comodismo não é aceitável, as desculpas têm de dar lugar à prontidão.

III) HÁ DOIS TIPOS DE CRISTÃOS REPRESENTADOS NESTES DOIS FILHOS: O VERDADEIRO E O FALSO. (v. 29,30).
Nas atitudes dos filhos, vemos o contraste entre dois grupos de discípulos que Jesus queria enfatizar nesta parábola: a diferença entre o verdadeiro e o falso, entre o religioso e o sincero, entre o legalista e o espiritual.
Note que a reação do primeiro foi negativa, mas sua atitude foi positiva. Já a reação do segundo foi positiva, mas sua atitude foi negativa. Isto quer dizer que, tanto nossas palavras, quantos nossas ações, devem ter coerência diante do Senhor. Chega de pregar uma coisa e viver outra! Chega de banalizarmos nossas atitudes, achando que estamos enganando alguém. De Deus não se zomba!
O verdadeiro sentiu alguma coisa no seu interior. Deixou que o Espírito Santo trabalhasse nos seu coração, com seus conceitos, na sua mente.
Será que temos permitido ao Espírito Santo de Deus agir em nosso interior? Será que temos deixado de lado nosso emocional e ouvido mais o nosso racional? Em dias de Teologia da Prosperidade e tantas outras "novidades" pregadas inescrupulosamente em nossos púlpitos, será que ainda submetemos a mensagem que ouvimos ao crivo da Palavra de Deus?
O primeiro filho representa uma geração que ainda atenta para as palavras do seu Pai.
O segundo filho representa uma geração que, além de não atentar para as palavras do Pai, tenta viver um cristianismo raso, superficial, insólito e aventureiro. Uma geração marcada pela divisão e pela discórdia, pela ganância que tomou conta de tantos "apóstolos" e "bispas" destes últimos dias. É isso mesmo!!! Destes ÚLTIMOS DIAS. Estamos perto, muito perto da nossa redenção, sim.

Qual filho representa sua atitude? Qual filho representa seu envolvimento com a obra missionária? A vinha precisa de trabalhadores e não paroleiros que com sua boca dizem uma coisa, mas na verdade sua vivência é outra completamente diferente. Se dermos ouvidos à voz do Espírito Santo de Deus, certamente algo vai mudar dentro de nós e nossa atitude será diferente, ainda que no calor da nossa emoção, tenhamos um discurso diferente....

Nossa atitude pode mudar o efeito das nossas palavras.

Fique com Deus e que o Espírito Santo possa ter liberdade para agir em nossos corações, amém???

Pr. Jaaziel Marcelo


sábado, 1 de setembro de 2007

CD de Mensagens Pastor Jaaziel

quarta-feira, 18 de julho de 2007

A Alegria do Brasileiro

Segue abaixo mais um artigo do meu amigo e Pastor, Celso Fonseca.


Um forte amplexo e que Deus te abençoe.....
************************************************************************************

Feliz com a conquista do seu primeiro título como técnico da seleção brasileira, Dunga dedicou a vitória de forma especial. Em entrevista coletiva após a vitória por 3 a 0 sobre a Argentina, e disse:
- Viemos aqui para resgatar a auto-estima do torcedor brasileiro. O nosso povo tem poucas alegrias, sai todo dia de casa muito cedo para trabalhar o dia inteiro. Hoje demos mais alegria ao torcedor e era isso o que a gente queria.

Só que essa alegria durou muito pouco. Muito pouco mesmo. Isso porque 48 horas depois o mundo ficou chocado com o acidente no aeroporto de Congonhas com quase duzentos mortos.

Voltei a ler o artigo do colunista deste importante jornal (O Alfinete)[1] Valmor Bolan, prenunciando a tragédia há duas semanas.

Como cidadão brasileiro eu resolvi demitir a ministra do Turismo, Marta Suplicy que disse aos passageiros aéreos que relaxassem e gozassem. Demito o ministro da Defesa Waldir Pires que não fez nada que evitasse esse acidente anunciado e deixou funcionar uma pista sem condições de enfrentar a primeira chuva que caiu. Demito também o presidente Lula pelo seu desgoverno. Para mim ficou evidente que a causa do acidente foi o problema na pista do aeroporto de Congonhas com sua reforma inconclusa.

Trazendo para perto de nós uma situação semelhante, basta olharmos para o asfalto da rodovia Marechal Rondon. Eu sou motorista profissional e vejo claramente a negligência do governo estadual (que ainda é mais eficiente neste ponto que o federal) com essa rodovia. Nós pagamos, além do IPVA, R$ 6,30 de pedágio para ir a Bauru. E o asfalto é péssimo. Em dia de chuva, como na última terça-feira, mesmo dia do acidente com o avião da Tam, eu transitava para Bauru, certo de que encontraria algum veículo caído na caneleta e não deu outra, tinha uma carreta tombada lá. Deixo aqui um alerta. Em dia de chuva tome muito cuidado na rodovia Marechal Rondon, e não se impressione com a pista dupla.

Então, o Dunga está certo, “o nosso povo tem poucas alegrias”, e a que ele e os garotos da seleção de futebol deram, durou muito pouco.

Isso explica porque, no domingo às 19 horas, nossas igrejas estavam lotadas de pessoas mais interessadas na Palavra de Deus do que na final da Copa América.

Essas pessoas já perceberam que as alegrias como a que Dunga oferece duram muito pouco. O presidente Lula ficou magoado com a vaia que recebeu na abertura dos jogos Pan-americanos. Mas, na quarta-feira era difícil vibrar com alguma vitória dos brasileiros nos jogos, por causa da tristeza de Congonhas. Por isso as vaias fizeram muito sentido.

Não deixo de pensar também nas vítimas de trânsito em 2005, os registros de óbitos chegaram a 35.753 (segundo o ministério da saúde, mas há fontes que indicam 70 mil). Quanto às internações no Sistema Único de Saúde (SUS), dados de 2006 indicam que foram 123.061, ao custo de R$ 118 milhões. A maioria das internações (41.517) ocorreu por atropelamentos, seguidos pelos acidentes com motociclistas (34.767).

Portanto, seja no transporte terrestre ou aéreo, o valor que nossa sociedade dá a vida é muito pequeno. Não é pequeno nos impostos. Mas é muito pequeno na responsabilidade de nossas autoridades.

A Palavra de Deus manda que honremos os impostos. Mas fala também das responsabilidades daqueles que os recebem. Louvo a polícia militar que me autua quando transito com o veículo de pneus carecas. Da mesma forma o povo, que na democracia é senhor, deveria autuar as autoridades que falham em suas responsabilidades. Em Lucas 12:47 e 48 Jesus disse o seguinte: “Aquele servo que conhece a vontade de seu senhor e não ... a realiza, receberá muitos açoites. ... A quem muito foi dado, muito será exigido; e a quem muito foi confiado, muito mais será pedido.” (NVI).

O texto acima fala do juízo final. O “senhor” é Deus e o “servo” somos nós. Mas esse mesmo princípio deve ser aplicado às nossas autoridades, uma vez que, na democracia, o povo é senhor e os cargos eleitos são servos do primeiro escalão. Por isso eu os demito porque eles não estão podendo cumprir suas obrigações.

Celso Fonseca



[1] http://www.oalfinete.com/valmor.htm

quinta-feira, 5 de julho de 2007

INGENUIDADE EVANGÉLICA BRASILEIRA

Segue abaixo mais um excelente artigo do meu amigo Pr. Celso Fonseca da Igreja Cristã Missionária de Pirajuí - SP.

Abraço a todos e aproveite!!!

Poderia até ser uma nova denominação evangélica no Brasil. É um nome que cairia muito bem para a maioria do povo evangélico.
Onde foi parar o sonho dos evangélicos de mudar o Brasil? Há vinte anos, lembro-me de que o crescimento evangélico trazia promessas de um Brasil mais honesto, mais fiel, enfim, a idéia de um Brasil melhor.
Mas sucessivos escândalos envolvendo importantes lideranças evangélicas no Brasil ameaçam ruir o sonho de um povo mais ético. Refiro-me ao pastor e deputado federal Mario de Oliveira (PSC-MG) e as notícias de sua briga política com um companheiro seu, o deputado Carlos Willian (PTC-MG) que fez graves denúncias. Não é só mais um parlamentar a manchar a imagem do Congresso Nacional, mas é um presidente de umas das melhores igrejas no Brasil. Um povo de Deus, prestando grande serviço ao Reino dos céus.
O que me consola, neste caso, é que esta denominação evangélica, diferentemente de outras que tem passado por situações semelhantes, tem mecanismos que permitem a substituição de líderes envolvidos com imoralidade. Creio que isso acontecerá, se não prevalecer a politicalha dentro da instituição.
Portanto, quero estabelecer aqui uma distinção entre o povo e seus líderes. A Bíblia ensina sobre essa distinção. Mas existem aqueles líderes que começaram certo e se corromperam por umas das três barras de sedução: a barra de ouro, a barra de terra e a barra da saia. O evangelista Billy Graham sempre alertou os líderes para que não se corrompessem em três principais áreas: Dinheiro, poder e sexo.
Quando se forma uma comunidade cristã e ela não prevê que seus líderes são homens falíveis, que podem pecar e cair da presença de Deus, como caiu Lúcifer, instala-se aí a ingenuidade.
A mesma ingenuidade que vimos e vemos em alguns integrantes da esquerda com relação aos seus líderes.
Precisamos de líderes, mas é necessário que eles sejam exemplos de boa conduta. A cada eleição vemos homens que já deram prova da sua desonestidade assumirem cargos públicos pelos votos da massa. Parte dessa massa é ingênua. Como acontece na igreja evangélica. Jesus alertou que isso aconteceria. Tanto o Senhor Jesus como Paulo usam a palavra lobo para qualificar esses líderes (Mateus 7:15; 10.16; Lucas 10:3; Atos 20:29). “Eu os estou enviando como ovelhas entre lobos. Portanto, sejam astutos como as serpentes e sem malícia como as pombas” (NVI – e todas as outras)
Não é em vão que Paulo tem que exortar a igreja evangélica de Corinto: “Irmãos, deixem de pensar como crianças. Com respeito ao mal, sejam crianças; mas quanto ao modo de pensar; sejam adultos.” 1Coríntios 14:20.
O que nos consola é que, se não temos mudado o sistema das coisas aqui no Brasil, temos visto milhões de vidas e famílias transformadas. Todos os dias, milhares de pessoas são abençoadas nos templos e nos lares evangélicos. Todos conhecemos pessoas que foram transformadas pela Palavra de Deus.
Resta-nos ver que esse povo é o sal da terra e a luz do mundo como disse o nosso Mestre. Que este povo possa influenciar os recônditos do poder nesta nação. Só aí o sistema vai mudar para melhor. O povo de Deus precisa aprender o que diz o apóstolo Paulo, “julgar a si mesmo”. (1Co 6:1-6).
Para não sermos ingênuos e crianças no juízo e para sermos astutos como as serpentes e sem malícia como as pombas, façamos mecanismos e expurguemos o mal do nosso meio. Só assim o sonho poderá ser alcançado, um Brasil realmente transformado pelo poder da Palavra de Deus.

Pr. Celso Fonseca

segunda-feira, 14 de maio de 2007

AI DE NÓS, PORQUE NÃO TEMOS UM PAPA, MAS MUITOS!!!

Por ocasião da visita do Papa ao Brasil, fiquei a pensar sobre o seguinte tema. Nós, cristãos evangélicos, nos orgulhamos de não ter um Papa, infalível e único representante de Deus na terra...
Sinceramente, só pessoas que nasceram numa religião completamente desprovida de informações bíblicas, poderia ainda sustentar tal teoria.
Mas, infelizmente, não pude deixar de pensar nos outros "papas" que temos por aí. O "Papa" da denominação tal, o "Papa" da Igreja tal, enfim...
Fiquei um tanto apreensivo com isso, afinal, temos mais "Papas" do que a Igreja católica.
Tantos papas que assustam só de pensar. O problema maior é que nos tornamos idólatras de nós mesmos, dos nossos papas, dos papas da palavra.
Quem vai pregar hoje? Se for o Pastor (Papa) tal, eu vou. Se não for, eu não vou!
Papas que mandam e desmandam! Abafam os que podem vir a se tornar uma ameaça ao seu papado pessoal. Papas que gerenciam a Igreja inescrupulosamente.
Um desses "Papas" me disse uma vez: - Não que eu goste de pregar sempre. É que se eu não pregar, as pessoas não vêm à Igreja, Pastor Jaaziel. Por isso eu sou "fominha" pra pregar.

É mole?!?

Minha mãe sempre diz: - Meu filho, é melhor ouvir certas asneiras do que ser surdo!

Algumas vezes, ser surdo seria menos doloroso. O que podemos esperar de pessoas assim?
E olha que é um "papinha", pequeno, de uma paróquia pequena.
Mas já vi e ouvi coisas piores de "Papas" de grandes denominações, grandes Igrejas.

Será que Jesus aceitaria esse tipo de comportamento? Eu me pergunto: Será que Jesus aceitaria ganhar 30 salários mínimos para pastorear uma Igreja???
É isso mesmo! 30 SALÁRIOS MÍNIMOS!! É o que ganha um pastor (Papa) da minha cidade!
Não sou contra um pastor receber o digno salário pelo seu trabalho, mas convenhamos! Isso é absurdo! Imagine.
Tem Pastor-Papa que ganha mais que desembargador. Mais que o Presidente da República.
Meus amados. Temo que nestes últimos dias, a Igreja será alvo de uma devassa assustadora por parte da Receita Federal. Infelizmente, só vai sobrar para as Igrejas que não tiverem "Papas" com representante no Poder Legislativo, isto é, para as pequenas Igrejas.
As demais, tem o seu rabo preso com algum deputado ou outro político qualquer.

Infelizmente, ai de nós, porque não temos um Papa, mas muitos. A despesa é proporcionalmente maior para nós. Quem sempre sai perdendo, infelizmente, é o Evangelho do Reino que nunca pregou nada disso.

Que Deus nos ajude a sermos libertos do verdadeiro papado que nos aprisiona, o papado dos pequenos impérios evangélicos.

quarta-feira, 9 de maio de 2007

QUESTIONANDO DEUS


Na figura ao lado, vemos a pintura atribuída a Valentin de Bolougne ou a Nicolas Tournier, inspirado na figura de Paulo escrevendo suas epístolas. (Fonte: Wikipedia.org).
Quando Paulo estava em Damasco, um homem fora designado por Deus para orar por ele, impor as mãos, para que fosse curado da cegueira temporária, fruto do seu encontro espetacular com o Senhor Jesus Cristo. (Atos 9.10-16).
Gostaria de pensar sobre a atitude destes dois homens: Ananias e Paulo.
É incrível o que a postura dos dois tem a nos ensinar.
Ananias questionou a Deus, quando recebeu a missão de orar e impor as mãos sobre a cabeça do maior inimigo dos cristãos da época.
Pense nisso: Deus fala com você e manda que ore e interceda pelo seu maior inimigo. Não parece absurdo?
Meditando nisto, cheguei a algumas conclusões interessantes:


I) ANANIAS QUESTIONOU PORQUE ELE NÃO TINHA O ENTENDIMENTO DE DEUS.
Muitas vezes em nossa caminhada com Cristo, questionamos o direcionamento do Senhor, por não "entendermos Deus". O problema é que Deus não existe para ser entendido. Ele não precisa explicar-se para o homem. Fico muito feliz por ter aprendido isso e gostaria que você aprendesse isso também. Pare de tentar entender Deus! Fica mais difícil para você, para Ele e para todo mundo. Fica difícil para Ele também. Não dificulte as coisas para Deus! Na Bíblia, vemos diversos homens de Deus que foram usados por Ele, mas tinham sempre que questioná-Lo.
Moisés: esse cansou Deus de tanto dar desculpas para não fazer o que Deus havia determinado para ele, antes mesmo do seu nascimento.
- Eu não sei falar direito - disse o pastor de ovelhas. Não vão acreditar em mim. Quem me enviou?
Deus parece ter perdido a paciência com Moisés. E quantas vezes Ele ficou impaciente comigo?? E com você?? Já parou para pensar nisso?
Jeremias: esse também. Vivia dizendo que não conseguiria realizar a obra profética por falta de idade suficiente e experiência.
Guarde isso, amado (a): Experiência não pressupõe competência! Deus pode chamar uma pessoas completamente inexperiente e capacitá-la para ser um competente servo dEle!


II) ANANIAS QUESTIONOU A DEUS POR NÃO TER A VISÃO DE DEUS.
Graças a Deus somos falíveis! Enquanto o país inteiro se prepara para receber um homem dito "infalível", eu agradeço a Deus por sermos falhos.
E nossas falhas só existem por não termos a visão que Deus tem. Deus sempre vai ver as coisas do alto, de cima. Seu ponto de vista sempre será superior. Até mesmo o rico, da parábola do rico e Lázaro, não tinha uma visão superior por estar numa posição inferior.
Ananias só conseguia ver obstáculos e perigo nesta missão.
Muitas vezes, somos impelidos a somente ver dificuldades, obstáculos e problemas no caminho que Deus coloca a nossa frente.
Mas, pense comigo: Se Deus vai comigo, não importa o caminho, o mais importante é a companhia.


III) ANANIAS QUESTIONOU A DEUS POR NÃO CONFIAR NO QUE DEUS ESTAVA FAZENDO.
Quantas vezes nós não confiamos no controle de Deus sobre todas as situações....
Talvez esta seja a grande crise do nosso século. Deus tem sido manipulado para que as pessoas não aceitem o sofrimento como algo vindo da parte de Deus.
O sofrimento faz parte do processo que Deus usa para moldar nosso caráter, nossa fé e nossa maneira de ver as coisas.
Mas quem quer pregar isso? Ninguém. Sabe por que? Porque não dá "ibope"... Ninguém vai querer te ouvir.
Glória a Deus! Ele também permite aflições na vida do justo!
Deus não perdeu o controle das situações.
Enquanto Ananias questionava, Paulo somente aguardava o momento certo para começar a grande obra que Deus tinha para sua vida.
Um dos maiores evangelistas, o maior teólogo do Novo Testamento, o maior contribuinte para o desenvolvimento da Igreja nascente. Deus escolheu a dedo este homem. Imagine se a sua atitude fosse a mesma de Ananias.
Paulo não questionou, apenas creu!
Quero estimular você a crer sem questionamentos. Eu sei que isso é difícil, mas temos que tentar....
Que Deus nos ajude a sermos mais paulinos na nossa caminhada e menos "ananinos".


Paz do Senhor seja contigo!


Pr. Jaaziel Marcelo

sexta-feira, 27 de abril de 2007

DO DISCURSO À AÇÃO


Uma das coisas que me tenho proposto nestes dias, é pensar (ou pelo menos tentar) na maneira de Deus ver as coisas. E uma delas que me veio imediatamente ao ler a Bíblia, é como nossas atitudes revelam muito do que Deus espera de nós.
Ultimamente, temos abundância de exemplos de pessoas que discursam uma coisa, mas mudam completamente de opinião na área prática.
Mas até quando Deus vai permanecer inerte em relação àqueles que dizem uma coisa e fazem outra?? A Palavra diz o seguinte: "E que vos parece? Um homem tinha dois filhos. Chegando-se ao primeiro, disse: Filho, vai hoje trabalhar na vinha." Mateus 21.28
A resposta de um dos filhos foi a seguinte: "Sim, senhor"

Que resposta maravilhosa! Coerente, sincera e agradável. Tudo o que o pai precisava ouvir: uma resposta obediente. Na verdade, nós temos visto uma Igreja cheia de filhos assim; com um discurso de obediência na ponta da língua. Quando cantamos aquele cântico cheio de unção, muitos choram já no início dos acordes... Nem precisa falar mais nada... Tá lá o crente estendido no chão! Chora, soluça, parece uma criança... Mas assim que termina o culto ou reunião ou vigília, seja lá onde ele esteja, sua atitude vai na direção contrária a tudo o que ele vivenciou e "pregou com seus gestos e palavras".
Preocupante. Nada temos de diferente das lideranças religiosas contemporâneas do Mestre, que só o questionavam para conseguir encontrar defeitos! Aliás, estamos nos especializando nestes últimos dias, na arte de procurar (e, se não encontrar, fabricar) defeitos. Está tudo errado! Na Igreja, tudo errado. No Pastor, tudo errado. Na sociedade, tudo errado. Na política, (imagina!) tudo errado. Agora, até poder judiciário, tudo errado.
Vivemos dias de crises institucionais. Crises que abalam e esfriam, não refrigeram!

A atitude do outro filho: "Não quero; depois, arrependido, foi."
Interessante. Para Deus, o que fala mais alto é a AÇÃO!
Ação, dispende esforço, trabalho, confiança, domínio próprio, fé, etc, etc e etc.
Falar é fácil, quero ver é fazer! - já ouviu esse ditame?
Pois é.. parece que tem relação com tudo isso que foi escrito aqui.

Para Adão, no princípio, sua tarefa era falar: dê nomes aos animais.
A proibição era na esfera da ação. Da árvore do conhecimento do bem e do mal, não COMERÁS..

Enfim, nossa ação deve ser proporcionalmente mais eficaz que nosso discurso. Discursar também deve ser uma tarefa acionária na área da semeadura: vou pregar para que outros possam agir influenciados pelo discurso, pela pregação da PALAVRA!

Falar e agir! Agir sem falar! Falar para ação e não falatório!

Que nossa vida de atitudes estejam repletas de palavras que saíram do abstrato para tornarem-se realidade.


Pr. Jaaziel Marcelo

segunda-feira, 16 de abril de 2007

Algo Aconteceu!

Transcrevo abaixo, com autorização do autor (é claro!!), o texto do Pr. Celso Fonseca, de Pirajuí.
O Pr. Celso é um homem de Deus, conhecedor da Palavra, bem como um apaixonado por Missões. Temos estas e outras coisas em comum. Que Deus abençoe você e boa leitura!
***************************************************************
Todos os historiadores reconhecem que “algo aconteceu”, referindo-se aos fatos em torno da ressurreição de Jesus Cristo. É assim que Gary R. Habermas traz o seu comentário sobre as evidências históricas da ressurreição. Essas evidências são comprovadas pelos métodos críticos e aceitas como históricas pela maioria dos estudiosos.
Isso explica por que James Cameron ficou “falando sozinho” com seu documentário “O Sepulcro Esquecido de Jesus” (Que será exibido pela Discovery Channel, dia 29/04, às 20h). Nesse documentário ele insinua que uma ossada encontrada em 1980 na cidade de Jerusalém pertence a Jesus Cristo. Ninguém deu bola para isso porque não há evidências sérias para tal devaneio. Mesmo assim a Revista Galileu faz a seguinte pergunta crucial sobre o tema: teria uma descoberta arqueológica o poder de negar uma verdade da fé como é a ressurreição de Cristo para os cristãos? Para o padre Antonio Manzatto, não: “a teologia nunca disse que a ressurreição é um defunto que se levanta.”
Já para John Dominick Crossan, autor de “A Última Semana”, que foi monge católico, só teria sua fé abalada se este corpo fosse encontrado sem sinais de sofrimento. (para os cinéfilos recomendo “O Corpo”)
A verdade é que a morte de Cristo e sua ressurreição dentre os mortos é a doutrina central da teologia cristã e o fato principal da defesa dos seus ensinos.
Para ser mais claro: quem não crê na ressurreição de Cristo, ainda está sem salvação. A Santa Escritura diz: “Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo.” Romanos 10:9
Para muitos, como o padre Manzatto e o ex-monge Crossan, a ressurreição não é um fato verificável fisicamente ou historicamente. Mas os fatos alistados por Habermas argumentam decisivamente contra cada uma das teorias naturalistas ou gnósticas que influenciam esses teólogos liberais. Por isso quero trazê-los aqui:
1. a morte de Jesus por crucificação;
2. o subseqüente desespero dos discípulos;
3. suas experiências que acreditavam ser aparecimentos do Jesus ressurreto;
4. as testemunhas oculares dos aparecimentos de Jesus;
5. as vidas transformadas dos discípulos;
6. o túmulo vazio;
7. a incapacidade de os líderes judeus desmentirem essas asseverações;
8. a conversão dos céticos Paulo e Tiago, irmão de Jesus;
Só o texto de 1Coríntios 15:3-4 já seria suficientemente aceito como decisivo para comprovar historicamente a ressurreição de Cristo. Esse texto evidencia que Paulo “entrega” um pacote muito mais antigo que ele “recebeu”. Utiliza palavras não-paulinas e usa os nomes de Pedro e Tiago, como também expressões idiomáticas semíticas. Essas evidências mostram que a mensagem da ressurreição corporal de Jesus data realmente dos primeiros anos depois da crucificação. E como diria o ditado: a mentira tem perna curta. Ou como dizem alguns adversários da fé cristã, que a história é escrita pelos vencedores, mas esquecem-se que até o 4º século os cristãos não eram “vencedores” em matéria política e nem econômica, pelo contrário, eram perseguidos até a morte, resistindo na fé, bravamente."

Pr. Celso L. S. Fonseca - Pirajuí/SP

quarta-feira, 11 de abril de 2007

Viver sem Pecar

"Se bem fizeres, não é certo que serás aceito? E se não fizeres bem, o pecado jaz à porta, e sobre ti será o seu desejo, mas sobre ele deves dominar". Gênesis 4.7

O conselho de Deus à Caim, nos mostra o quanto é difícil vivermos sem pecar. Não creio que alguém possa viver esta vida, sem cometer nenhum pecado. Nos poucos anos de vida que vivi (e graças à Deus por serem poucos ainda...), encontrei poucas pessoas que tiveram a ousadia (creio que melhor seria a palavra audácia) de dizer que pecaram "quase nada".
Lembro de um dia ter ouvido um Pastor afirmar que nunca havia dito um palavrão em toda a sua vida. Entretanto, um certo dia quando ficou profundamente irritado, proferiu uma palavra de baixo calão. Ele relatou que sua consciência o acusou de maneira tão forte, que fez um jejum de 40 dias somente a àgua, frutas e verduras, para que voltasse a sentir-se limpo.

Meus amigos, o que é isso?? Tamanho legalismo. Viver sem pecar, só Jesus. Mas tudo bem. As pessoas tem o direito de dizer o que quiserem, não é mesmo? O que me incomoda, é que a nossa situação não difere muito do contexto vivido por Jesus Cristo. Na Igreja, encontramos ainda as classes/seitas farisaicas, saducéias, os doutores da lei (que são aqueles que detém a única e verdadeira forma de hermenêutica bíblica conhecida e aceitável como doutrinária), enfim, nada diferente.

O mais intrigante: se as coisas não mudaram muito, as afirmações de Jesus também não devem ser diferentes. O reino vos é chegado! Queridos, o que quero dizer é que a 2ª vinda de Jesus está mais próxima do que imaginamos.

Se aceitarmos o conselho de Deus para Caim, temos que entender que o pecado cometido por ele, foi o do "Culto da incredulidade"!
Isso mesmo. Culto da incredulidade. Se a oferta de Abel foi aceita por Deus e o autor de Hebreus (Hebreus 11.4) afirma que isso só foi possível pela FÉ, logo (meio que aristotélicamente) a oferta de Caim fora rejeitada pela ausência da mesma, ausência de FÉ.

Essa geração assemelha-se muito com Caim. Culto com tudo que temos direito, mas isentos de FÉ. Temos "data-show", instrumentos, programas de TV, blogs, jornais, revistas, cd's de mensagens e de louvores, internet, orkut, msn, vídeo-conferência, tudo que a tecnologia pode oferecer, mas não temos os mesmos sinais abundantes da Igreja primitiva, porque nos falta a FÉ.

Minha esposa disse ontem a noite, algo muito interessante: "Jesus deve estar como aqueles aposentados e pensionistas do INSS, sentado numa confortável cadeira almofadada de espera, com uma senha na mão, esperando o momento de ser chamado para os cultos que prestamos hoje em dia". Ninguém ousa pregar que fomos salvos para servir e sofrer.

Por que??? Porque ninguém quer ouvir isso. Todos queremos o culto da chave, do pó de ouro, do nome em letras de ouro, do "reprepré do siriri" (como dizia meu amigo e Pastor Luciano Paes).

Queridos, quero alertá-los que está chegando a hora (e já chegou) que os VERDADEIROS ADORADORES necessitam urgentemente adorar a Deus em ESPÍRITO E EM VERDADE. Acompanhado de uma dose extravagante de FÉ!
Caso contrário, corremos o risco de sermos rejeitados e não fazermos bem, como no texto de Gênesis 4, não seremos aceitos. Não sendo aceitos, deixamos o ambiente propício para que o pecado bata na nossa porta. E a arma principal do pecado contra nós é o DESEJO. Ele primeiro estimula nossos sentidos, para poder disseminar em nós o DESEJO por algo desagradável a Deus, mas muito agradável à nossa carne. E isso, o adversário sabe muito bem fazer.

Amados, viver sem pecar é utopia. Não acredito nisso. E digo mais: quando vejo aqueles casais de velhinhos, bem velhinhos mesmo, que dizem em seus depoimentos e testemunhos frases do tipo: "Estamos casados há trinta e tal anos e nunca discutimos ou brigamos". Mentira! Isso é mentira. Perdoem-me, mas é mentira. Isso é impossível. Não acredito.

Portanto, creio sim, numa vida piedosa, cheia de fé, prudência e dependência de Deus. Sem estes elementos, vamos pecar e fazer do pecado, nosso escape, nossa saída de emergência quando nos sentirmos frustrados e fracassados.

Quero estimular você a não pecar. Porém, se você pecar, temos um advogado... ainda. Mas cuidado: vai chegar um dia que Ele vai deixar a defensoria do céu e vai passar a exercer a magistratura divina. Daí, meu irmão, será tarde demais para apelar para Ele.

Vamos cultuar sabendo que sem fé, a brecha se abre para a importunação do pecado. Afirmo que os dardos inflamados do inimigo, descritos na epístola paulina aos Efésios, referem-se a dardos, não flechas. O que o nosso inimigo pode lançar contra nós é pequeno, mas inflamado. Quando penetra nossa carne ou veste, vem acompanhado de fogo que se espalha rapidamente em nosso corpo, queimando-o.

Que Deus nos abençoe e ajude a viver sem o hábito do pecado e diariamente oferecendo a Ele, uma vida de culto aprovado, cheio de FÉ!

Paz do Senhor Jesus seja contigo, hoje e sempre!

Compartilhe