sexta-feira, 13 de junho de 2008

PROBLEMÁTICA DA VIDA CRISTÃ


Olá amados... Depois de um período de hibernação bloguística, aqui estou eu de volta.
O que me motivou a voltar a escrever foi o misto de sentimentos que me assaltam, todos os dias quando leio meus e-mails.
É incrível a capacidade do ser humano em escrever com facilidade acerca de tão grande e extensa lista de assuntos (inclusive eu, escrevendo sobre o que os outros escrevem, que absurdo!!!).
Das lista de discussão que participo, tenho visto de tudo: tem aquele que escreve sempre sobre si próprio, suas viagens e andanças, suas admirações pessoais, seus sucessos e fracassos, suas enfermidades e impressões do mundo, da vida e das pessoas; tem aquele que só escreve para alertar, os profetas da última hora, que gastam seu tempo na observação dos sinais do fim dos tempos, dos eventos que antecedem a volta de Cristo; tem aqueles que só escrevem para criticar o que os outros escrevem, que sempre vão se colocar como os detentores de toda a verdade, sem pensar nem respeitar o que o outro disse, pessoas que confundem palavras com pessoas, posturas e opiniões com vidas, que são igualmente preciosas para Deus....
Tem aquele que escreve, não sabe o que está escrevendo (porque sua máquina está infectada com algum tipo de vírus) e não sabe desinfectar sua máquina. Melhor ter o computador com vírus do que a alma e a fé virulenta.

Tenho me decepcionado todas as vezes que um post se torna cavalo de batalha e desperta posições as mais diversas de teológos de plantão, que me fazem lembrar os doutores da lei da época de Jesus.
Eu fico imaginando se o próprio Mestre escrevesse um post "daqueles"..."Ai de vós Escribas e Fariseus... sois como sepulcros caiados!!"
Ah, meu irmão.... a casa ia cair rapidinho pra Ele...
Palavras não são suficientes, temos que mostrar imagens, vídeos, frases, livros, citações bibliograficas para outorgar santidade aos nossos comentários, estamos criando um novo cânon internético, uma nova geração de escritores inspirados por Deus, que estão na insólita luta e batalha pela perfeição virtual.
Que Deus me livre disso!!!

Já não tenho palavras para expressar minha profunda indignação com essa geração de estudiosos de araque, que se dão ao displante de criticar tudo e todos, formatadores do agir de Deus: parece até quadro humorístico: "Isso pooode. Isso não pooode!"

Tenham a santa paciência!

Eu acredito que Deus quer que façamos a diferença nesta geração, creio numa vida de santidade, mas não creio que meu ideal de santidade possa interferir e me colocar acima de outros. Quando prego, não me coloco como o mais santo, nem o mais perfeito.

Não quero nome, nem fama. Prego em pontos de pregação, em congregações pequenas, com a mesma vitalidade e compromisso, como quando estou pregando para uma multidão. Aliás, multidões não atraíam Jesus, então porque existem tantos pregadores de multidões que só aceitam pregar para um número mínimo de espectadores???

Estes são os valores que hoje estão muito na moda. Só que, quem casa com a moda, fica viúvo muito cedo. (Quem disse isso foi o cantor João Alexandre numa entrevista para mim, no ano de 1995 em Campo Grande-MS).

Eu fico temeroso com o ceticismo de alguns e o fanatismo de outros. Sou pentecostal sim, gosto de fervor espiritual, já vi muitas coisas, eventos, acontecimentos, experiências que me marcaram (e marcam) a minha vida. Mas não posso aceitar o Evangelho de Jesus Cristo que tanto me amou, sendo vilipendiado por tanta gente inteligente nestes últimos dias.
Não aceito execrarem a ação do Espírito Santo, não posso aceitar senhores da verdade nesta área....
Minha formação e origem é batista TRADICIONAL, mas não posso pactuar com uma teologia que não aceita os dons do Espírito Santo, sob argumento de não serem contemporâneos, de não servirem para nossa geração.
Por favor, não chamem o meu Deus de burro!!!

Ele não daria do Seu próprio Espírito para uma geração apenas ou cessaria os dons e operações espirituais somente para uma época da história.

Estou cansado de tudo isso!!

Estou ficando velho demais para ler essas coisas e ficar calado.
Também não aceito reteté insípido, vozes proféticas sem o Assim diz o Senhor, oriundos do SENHOR mesmo....

Que me perdoem meus amigos listeiros, os pastores e produtores virtuais que labutam comigo nesta batalha árdua pela purificação da noiva até que venha o noivo.

Quero desafiá-lo a viver cada dia como se fosse não o último, mas o primeiro de uma vida totalmente voltada para o Reino de Deus e a Sua justiça.
Quero receber boas notícias na minha caixa de e-mail, não brigas, nem más notícias, porque essas, eu já sei que virão e são inevitáveis....

Quero receber mensagens que me desafiem a viver uma vida diferente da que tenho vivido, como são as mensagens do Pr. Paulo Barbosa (quem não conhece?? o cego que mais tem visão que conheço).

Quero ser renovado a cada manhã quando acessar meu correio eletrônico.

Quero poder dizer: "Que mensagem!! Eu precisava disso!".

Que Deus nos abençoe e me perdoe se fui muito rude nas minhas palavras, mas precisava desabafar!!!

A Paz do Senhor Jesus Cristo seja sobre todos!

Pr. Jaaziel Marcelo

Um comentário:

Gê & Dé Nascas disse...

A Graça e a Paz do nosso Senhor! Gostamos muito do seu blog, pois nos passa mensagens edificantes. Continue semeando a palavra do Senhor Jesus Cristo. Fique com Deus e se puder visite o nosso blog e comente.

Compartilhe